Estiagem provoca estado de emergência em Cerro Negro

Estiagem provoca estado de emergência em Cerro Negro

O prefeito de Cerro Negro Ademilson Conrado, decretou na tarde desta sexta feira, 10, estado de emergência devido a estiagem que o município está atravessando. Não chove a mais de 60 dias. As principais culturas atingidas são milho, soja e moranga. Em algumas localidades do interior, até água para o consumo humano e para gado já está faltando. Vizinhos distantes estão sendo procurados para prestar socorro.  

O Prefeito convocou uma reunião com os secretários, técnicos e as principais lideranças do agronegócio de Cerro Negro para discutir e buscar alternativas para amenizar a situação. Participaram os técnicos da Epagri, da secretaria de meio ambiente, Agricultura e Defesa Civil e representantes da comunidade e agricultores. Ficou decidido que a partir desta segunda feira, prossegue o levantamento dos principais pontos afetados, para calcular os prejuízos. As principais comunidades atingidas são Cruzeirinho, Sagrado e Reassentamento Flor Azul.  

Informações Prefeitura de Cerro Negro

Compartilhe com seus amigos